É obrigação conquistar o título estadual. Por Pedro Dórea (*)

Estimados rubro-negros,

Apesar da grande decepção do início do ano causada pela precoce e inexplicável saída do Vitória na Copa do Nordeste, estamos a quatro partidas da decisão do título estadual.

Não há que se admitir outro resultado que não seja a conquista do campeonato baiano com folga, seja pelos investimentos realizados no time com a contratação de bons jogadores, seja pela boa estrutura do clube, pela fragilidade dos adversários ou mesmo pelo tão propalado equilíbrio financeiro, sempre apresentado com ênfase pela Diretoria do Vitória e reconhecido com louvor pelos conselheiros, sócios, torcedores e imprensa. Todos estes fatores somente levam a uma lógica constatação: O Vitória somente não será campeão baiano por mera INCOMPETÊNCIA.

Apesar da conquista do estadual não significar que o time estará pronto para fazer um bom papel no Campeonato Brasileiro ou na Copa do Brasil, ele servirá para recolocar as coisas no seu devido lugar em termos estaduais. Não é admissível que um clube como o Vitória, atualmente em um patamar financeiro, patrimonial e estrutural em estágio incomparavelmente mais elevado que o seu maior rival (que não consegue sequer realizar uma reunião para prestação de contas) consiga entregar, isso mesmo, entregar novamente o título estadual, como ocorreu o ano passado.

Jogando no Barradão, em Juazeiro ou na Arena, o importante é que o Vitória se imponha como o clube de primeira divisão mais valioso do Nordeste e reconquiste a hegemonia no Estado, vencendo e convencendo nos jogos. Nada de relaxar agora, para não ter que dar desculpas depois, é vencer ou vencer…

Para o Campeonato Nacional e Copa do Brasil, por certo ainda precisaremos muito de reforços em setores importantes do time, para que não tenhamos sobressaltos nem riscos desnecessários, pois estes sim são campeonatos competitivos e difíceis. Já a conquista do campeonato baiano é uma mera obrigação, pois como disse o senhor Caio Junior “de nada adianta ganharmos os dois clássicos se não ganharmos o título”. Pois bem senhor treinador, jogadores e dirigentes do Vitória, estaremos apoiando e torcendo muito pelo nosso clube (como sempre) e convencidos que o titulo estadual é uma questão de tempo. Para isso é necessário que o time tenha foco, garra e dedicação nas partidas restantes para fazer valer a notória superioridade do Vitória perante os rivais, que embora dignos de respeito, não podem fazer frente ao Leão da Barra.

Estaremos todos atentos ao comportamento do time, da Comissão Técnica e da Direção do Clube nesta reta decisiva. Não é hora de vacilar novamente. É preciso fazer valer os investimentos, a estrutura, o peso da camisa e da torcida rubro-negra para reconquistar o título estadual.

Saudações rubro-negras a todos!!!

(*) Pedro Dórea é Bel. em Direito e Conselheiro do ECVitória.

Anúncios

Sobre rocharubronegro

Apenas um rubro negro apaixonado.

Publicado em maio 2, 2013, em Rocha. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Como teem que ser indo pra cima e se impondo, mesmo porque, a qualidade de nossos atletas não deixa dúvidas de ser o melhor elenco, e não seria na reta final deixar a peteca cair, então, o títuo é questrão de honra.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: