Arquivo da categoria: Pedro Dórea

A INCOMPETÊNCIA NÃO É PARA SER PREMIADA (*)

Não. Não fizemos a nossa parte !!!

Apesar das inúmeras oportunidades que tivemos para conseguir o acesso a Primeira Divisão ESTE ANO, faltou competência, raça, coragem e determinação à DIRETORIA E AOS JOGADORES POR ELA ESCOLHIDOS e dignamente remunerados.

Sobraram tentativas de justificativas e desculpas.  Em vão…

De nada adiantou na derradeira partida, o ASA fazer um GOL CONTRA e vencermos o jogo, pois ficamos a um ponto da série A. Em 2010, também fomos rebaixados por um ponto. Mero acaso?

Os resultados demonstram toda a incompetência e apatia da Diretoria, quando o assunto é a gestão de futebol profissional do clube neste período.

Não faltaram opiniões construtivas de torcedores e conselheiros, algumas até contundentes, mas pouco ou quase nada repercutiu na omissa e ineficaz atual gestão do futebol profissional do Glorioso Vitória.

Jogadores originários da nossa (ainda) destacada e campeã divisão de base e que contribuíram para ganhar o único título profissional em 2010/2011 para o Vitória  (a Copa do Nordeste) foram dispensados sem qualquer justificativa aos conselheiros e torcedores (Junior Timbó, Esdras, Lee, Kleiton Domingues, dentre outros).

Entretanto, não se pode dizer que faltou elenco ao Vitória, pois a diretoria trouxe Pablo, Lucas Nania, Xuxa e mais de vinte jogadores de baixíssima qualidade, que embora bem remunerados, nada ou muito pouco fizeram de bom para o clube e alguns deles contribuíram diretamente para o nosso insucesso, como Zé Luis que, inexplicavelmente, foi preservado pela Diretoria saindo do clube sem dar explicações a torcida.

Sinceramente, não dá para compreender a passividade da Diretoria e da Comissão Técnica em alguns momentos cruciais que poderiam ser determinantes para sacramentar o acesso este ano (ainda que sem muitos méritos).

Por exemplo, no gol mal anulado pela arbitragem no penúltimo jogo contra o São Caetano, nenhum representante da Diretoria ou da Comissão técnica foi capaz de questionar COM FIRMEZA E AUTORIDADE O ERRO GROSSEIRO do bandeirinha. Se alguém do banco de reservas ou da Diretoria fosse expulso, paciência, pois o Vitória estava com razão e só faltava um jogo para o acesso. O time iria com tudo para Alagoas!!!

Comportamento totalmente diferente foi visto no jogo Vasco e Fluminense, onde um jogador do banco de reservas do Vasco foi expulso após questionar o juiz por reclamação a suposta irregularidade no gol do Fluminense. Logo apos, o Vasco desempatou a partida e ainda manteve chances do título. A raça do banco e da comissão técnica vascaína contaminou positivamente o time. A apatia teria o efeito contrário…

TODO RUBRO-NEGRO SABE QUE A PAIXÃO FAZ PARTE DO FUTEBOL E A RECLAMAÇÃO FIRME E PROCEDENTE TAMBEM, mas a frieza inercial do comando do Vitória tem abatido o time nos dois últimos anos (e nos quatro minutos finais do jogo contra o São Caetano contaminou também boa parte da torcida, que incrédula com tamanha irresponsabilidade e apatia do elenco, preferiu o silencio sepucral, ante tamanha humilhação).

A torcida do Vitória está triste novamente. Não tanto por não ter conseguido o acesso este ano, mas pela FORMA com que atuamos durante este período. Time sem vontade, sem garra e sem técnica. Reflexo de um comando sem muito comando…

Todos que torcem para o Glorioso Vitória querem ver o time vencer, mas sabem que empatar ou perder faz parte do futebol. O fundamental é lutar com raça e determinação por cada ponto, em toda partida e em qualquer competição, sobretudo os disputados no Barradão, pelo respeito ao torcedor do Vitória. Sabemos que cada ponto perdido faz falta, e como faz…

É preciso urgentemente resgatar os melhores valores que sempre deram orgulho ao Vitória e voltar ter ídolos e a revelar talentos para o Brasil e para o mundo (há quanto tempo não fazemos isso ?).

É importante deixar que as pessoas de bem e decentes que ENTENDAM DE FUTEBOL e contratados pelo Vitória com tal finalidade (por exemplo, Newton Drummund), façam seu trabalho na busca de bons jogadores e sejam avaliados pelos resultados.

É necessário preservar os rubro-negros da atual Diretoria com anos de serviço prestados ao clube, que não tem condições de assumir determinadas funções, substituindo-os urgentemente, pelo bem do Vitória e deles próprios.

Mas, nem tudo está perdido, pois somos grandes, um dos clubes mais antigos do Brasil. Enquanto a torcida passava vexame com o “time profissional”, fomos campeões NOVAMENTE das categorias infantil e do Juvenil, em cima do maior rival.

Agora, os torcedores do Vitória NÃO ACEITAM MAIS a inapetência pela LUTA NA BUSCA DAS CONQUISTAS para o clube voltar ao lugar de destaque no cenário local, regional e nacional.  Precisamos de força e união.

Tem um trecho do tradicional hino do Vitoria que diz: “no campo da luta, tu és o melhor”, que a Diretoria (seja qual for) se inspire neste lema doravante e busque. Incessantemente novas conquistas, pois não há luta sem VITÓRIA, nem Vitória sem LUTA.

É preciso, pois, mudar a postura e renovar pessoas e ATITUDE no comando do clube, inclusive no Conselho, sempre de forma responsável e ponderada, mas urgente, pois não temos mais tempo há perder.

(*) Pedro Dórea (Bel. Em Direito e Conselheiro do Vitória)

Anúncios

GLORIOSO VITÓRIA: SEREMOS MELHORES EM 2012

Independentemente dos resultados dos jogos de amanhã, o Glorioso Vitória vai sobreviver e vai crescer como clube.

Se os resultados forem favoráveis ao Vítória, ótimo!!! Estaremos em 2012 na primeira divisão, apesar da Diretoria não ter realizado um planejamento adequado e errar em quase tudo na gestão do futebol, a ajuda divina, a força da camisa e a fé da torcida rubro-negra conspiraram a nosso favor e chegamos lá, mesmo sem méritos.

Entretanto, se a lógica acontecer, e continuarmos na segunda divisão, nada de desespero, pois poderia ser bem pior. Em matéria de planejamento na gestão do futebol, nossa Diretoria cometeu inúmeros equívocos, alguns imperdoáveis, que não cabe aqui enumera-los por serem de notório conhecimento do torcedor rubro-negro.

Em qualquer das hipóteses, necessitamos de mudanças urgentes e responsáveis na diretriz do clube.

Seja na serie B ou na serie A, é necessário uma nova percepção da grandeza do glorioso Vitória e de sua torcida, que não merecem ser tão humilhada, como vem sendo nos últimos tempos.

Tudo vai dar certo, seja qual for a Divisão que jogaremos em 2012, seremos muito melhores do que fomos este ano. Estaremos com o Vitória onde ele estiver, mas, para isso, precisamos mudar de comando e de postura diretiva, e já…

Pedro Dórea *(Conselheiro do ECV, Chefe de Gabinete Sec. Da Fazenda, Bel. Direito).

%d blogueiros gostam disto: