Arquivo mensal: julho 2013

Estamos bem, mas…

Olá amigos rubro-negros!

UFA! O que faltou para ganharmos o jogo de ontem, quando empatamos com a forte equipe do Coritiba, no Estádio Couto Pereira, em 1 X 1? Quase nada ou muita coisa!!! Futebol é decidido nos detalhes. Poderíamos ter perdido, assim como poderíamos ter ganho. Por exemplo: no último lance do 1º tempo, o Juiz marcou uma falta que não existiu e que resultou no gol de empate do Coritiba; em compensação, tivemos duas bolas na trave e outras belas defesas do nosso goleiro Wilson que poderiam ter mudado o placar. Dos males, o menor.

O time do VITÓRIA fez uma boa partida, principalmente no primeiro tempo, quando criou algumas situações de gol e esteve compactado no meio campo e com a defesa mediana como sempre. Analisando estrategicamente, constatamos, o que não é novidade para ninguém, que não temos BOAS peças de reposição. Com a saída de qualquer um dos jogadores titulares, o time cai de produção. Continuamos precisando de um (BOM) zagueiro, de laterais, (Tarracha vem evoluindo, mas não tivemos um substituto para Nino), um cabeça de área pitbull e, para nosso azar, o recém contratado centroavante André Lima se contundiu, devendo ficar um bom tempo no estaleiro. Sem falar que não temos substitutos à altura para Los Hermanos e Cajá (Camacho – vamos aguardar ???). Outro problema recorrente é o cansaço do time no segundo tempo, principalmente dos jogadores que mais se entregam durante a partida para compensar "los outros" mais burocráticos e limitados.

Por tudo isso, podemos afirmar que estamos bem, mas…

E os meninos da BASE, o que aconteceu ou acontece? O time sub-20 foi CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL 2012 e ninguém se firmou no time profissional. Filosofia do treinador ou deficiência técnica? Precisamos de respostas. Para completar, o jogador Willie, uma grande promessa, foi liberado para o Vasco da Gama. Quem o substituirá?

Finalizando, reafirmamos que o grupo de jogadores (titulares) do ECVITÓRIA é bom, mas, como a competição é longa e difícil, precisamos ter BOAS peças de reposição.

Na próxima quinta-feira (01/08 – 19:30 horas – Maracanã), teremos outra pedreira pela frente, quando enfrentaremos o Botafogo de Seedorf. EU SOU MAIS O NOSSO GLORIOSO VITÓRIA!!!

VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

Anúncios

E se esse BAVI tivesse sido no Barradão

Olá amigos rubro-negros!

Decidir corretamente na vida é uma arte, é ciência, é conhecimento, é bom senso, é sabedoria e é, principalmente, estratégia. Infelizmente só sabemos se decidimos certo ou errado, melhor ou pior, depois do acontecido. Nem sempre devemos decidir pelo lado financeiro. Mas "Sêo Minino", ninguém tem "bola de cristal"! Será que precisamos de bola de cristal para escolher o que é melhor?

Pois é nobres companheiros, não viemos aqui crucificar ninguém, tampouco achar que somos donos da verdade. Viemos somente fazer um questionamento, convidar a todos para uma reflexão sobre o assunto: BARRADÃO X ARENA FONTE NOVA. Já devia, inclusive, ter publicado o meu texto sobre o assunto. O farei em breve.

Já havíamos ganhado as três últimas partidas disputadas nesse mesmo palco, sendo que duas foram goleadas históricas (5 X 1 e 7 X 3). Portanto o retrospecto nos era favorável, levando-nos a optar pela Arena. Entretanto, mesmo sendo o mando de campo do ECVitória, a proporcionalidade dos ingressos (60% ECV X 40% BA) não nos foi muito favorável. E se esse BAVI fosse no Barradão, como seria? Teríamos essa mesma proporcionalidade? Como estaria o estado do gramado? Nossa casa é nossa casa! Com certeza, os sardinhas estariam mais nervosos e poderíamos aproveitar da situação. O clima e a energia no nosso SANTUÁRIO fazem a diferença. Mas, como dissemos, ninguém tem bola de cristal.

O problema do empate (0 X 0) com os sardinhas é que caímos para a quinta posição e deixamos escapar, mais uma vez, a chance de chegarmos à liderança desse difícil Campeonato Brasileiro. O resultado foi ruim? Não, não foi. Poderia ter sido melhor, principalmente pelo retrospecto. Foi um jogo truncado e de poucas chances, digno do clássico BAVI. Continuamos com poucas BOAS opções no banco de reservas. Quem estreou (Camacho e Daniel) não o fez bem. Faltou ritmo de jogo e sentiram o peso do clássico. Los Hermanos não repetiram as atuações anteriores. Mérito dos sardinhas que melhoraram muito depois da chegada de Cristovão Borges.

E qual é o lado bom disso tudo? É que nós temos a opção de escolha. Não dependemos de ninguém, somente da nossa própria torcida. Aproveito para conclamar a todos os torcedores rubro-negros para lotarmos a nossa CASA, nosso SANTUÁRIO, nos próximos jogos. Não podemos ter menos de vinte mil torcedores nos jogos dentro do BARRADÃO. O time está merecendo. Presenciamos isso contra o São Paulo, apesar do público inferior a doze mil torcedores.

JOGAR NO BARRADÃO COM CASA CHEIA FAZ A DIFERENÇA. FAÇAMO-LA!

Os dois próximos jogos do VITÓRIA serão fora de casa: dia 28/07 (domingo), 18:30h, contra o Coritiba, no Couto Pereira e no dia 01/08 (quinta-feira), 19:30h, contra o Botafogo. O Leão da Barra só volta a jogar no Barradão no primeiro domingo de agosto (dia 04), às 18:30h, contra a Portuguesa.

VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

Arena é lugar de LEÕES. Por Pedro Dórea*

Prezados rubro-negros:

Dizem que em clássico não há favorito, mas, se o VITÓRIA jogar com foco e determinação, venceremos bem novamente.

Estamos a algumas horas da disputa de mais um Ba x VI histórico, pois marcará o primeiro clássico na Primeira Divisão, após dez anos.

Sabemos que foi muito importante ganharmos mais um título local para recuperar a hegemonia no Estado, HUMILHANDO SEM PIEDADE o adversário.

Mas agora é outro campeonato. Embora já tenhamos vencido três clássicos este ano de forma convincente, inclusive duas deles com estrondosas goleadas, é importantíssimo VENCERMOS NOVAMENTE, agora no difícil campeonato nacional. Precisamos demonstrar que, seja na Arena Fonte Nova ou na Arena Barradão, quem manda neste Estado é o LEÃO.

Aliás, tenho dito que ARENA, desde a Roma antiga, foi o local onde os LEÕES, de forma impiedosa e contundente, venciam seus combates. Na história moderna ARENA é onde o Vitória tritura os adversários.

Entretanto, nunca é demais ressaltar: Ganhar o clássico VENCENDO BEM NA ARENA FONTE NOSSA É OBRIGAÇÃO do Vitória e não podemos relaxar, em nenhuma hipótese.

É necessário que Diretoria, Comissão Técnica e, principalmente, os jogadores do VITÓRIA atuem de forma profissional, determinada e muito séria, pois, de fato, o campeonato brasileiro é muito difícil e as partidas contra o bahia serão das mais fáceis e temos que garantir esses seis pontos.

O adversário atualmente está em uma situação aparentemente melhor do que estava no campeonato baiano e, portanto, merece toda a atenção E FOCO, para não tropeçarmos como ocorreu na partida contra o Goiás.

Para concluir, dirijo uma mensagem, simples e direta, à Comissão Técnica, Diretoria e aos jogadores do Vitória: Vamos VENCER NOVAMENTE o bahia, no domingo na Arena e, se possível, novamente de goleada, pois é assim que faremos aumentar a alegria e a confiança da torcida com o time. PORTANTO, NÃO VACILEM SENHORES…

Saudações Rubro Negras!

*Pedro Dórea é Bel. em Direito e Conselheiro do ECVitória.

As orações de Oliveira

Salve, salve amigos rubro-negros!

Foi um jogaço! Foi um show de bola e vontade de vencer! Foi um jogo de humildade, determinação e perseverança! Foi uma partida do conjunto, da equipe, do técnico e da torcida! Como disse Renato Cajá: o equilíbrio psicológico individual e coletivo prevaleceu. A confiança de cada jogador e do grupo superou as dificuldades encontradas. Tudo isto contribuiu positivamente para a vitória, por 3 X 2, do LEÃO DA BARRA sobre o São Paulo, na tarde desse domingo (14/07), no nosso SANTUÁRIO.

É uma festa ir para os jogos do ECVITÓRIA no Barradão. Antes, durante e depois é só alegria! Assim o foi ontem. Assim o será nos próximos jogos. É muito bom encontrar os amigos, celebrar esse encontro na passarela do álcool com uma "ceva" gelada e aquele churrasquinho.

Dentro do estádio, outra festa, outras celebrações. Antes do início do jogo, olho para o lado e vejo o amigo OLIVEIRA, com os braços e cabeça dirigidas aos céus, em oração, pedindo aos deuses do futebol um resultado positivo para o nosso GLORIOSO ESPORTE CLUBE VITÓRIA. Juntei-me a ele e lhe disse: o meu texto desta semana será em homenagem a você, será As orações de Oliveira.

As vibrações positivas da torcida, as orações de Oliveira e de muitos rubro-negros, o equilíbrio e a confiança do time, mesmo saindo atrás do placar, fizeram com que conquistássemos os importantíssimos três pontos no jogo de ontem, voltando à vice liderança deste difícil Campeonato Brasileiro da série "A", mostrando para o cardume de sardinhas e São Paulinos que o ECVITÓRIA É TIME GRANDE E QUE MERECE O DEVIDO RESPEITO. Poderíamos ter aplicado uma goleada história, de cinco, seis, ou até sete gols, não fosse a infelicidade de Renato Cajá que perdeu um penalti e um gol feito, além de Maxi que fez dois e perdeu outro. O importante foi o poder de recuperação e a busca incessante dos gols. Mostrou um LEÃO aplicado e feroz, como tem que ser, sempre, dentro da nossa "CASA", nosso SANTUÁRIO.

Ganhar, perder ou empatar é consequência do jogo. Tudo pode acontecer. Contudo, para o torcedor é muito importante ver e sentir raça, foco, determinação, humildade, perseverança, vontade e sangue no olho de cada jogador, além de organização, padrão de jogo, ambiente psicologicamente equilibrado, além e principalmente um espírito de equipe. Cada gol era comemorado com os outros jogadores do banco de reservas. Isso foi muito positivo de se ver. Que continuemos assim. Que venham os sardinhas!!!

Hoje é dia do Hetero. É dia do HOMEM. Parabéns a todos nós, nação hetero rubro-negra pelo nosso dia! Ontem, no intervalo do jogo, conheci uma das MUSAS 2013 do VITÓRIA, Daiane Santana Brito. Parabéns para ela. Segue o link do seu ensaio fotográfico (http://www.ecvitorianoticias.com/2013/07/musa-do-vitoria-2013-daiane-santana.html).

PARABÉNS GUERREIROS RUBRO-NEGROS!!!

VALEU VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

%d blogueiros gostam disto: