Arquivo mensal: novembro 2011

A INCOMPETÊNCIA NÃO É PARA SER PREMIADA (*)

Não. Não fizemos a nossa parte !!!

Apesar das inúmeras oportunidades que tivemos para conseguir o acesso a Primeira Divisão ESTE ANO, faltou competência, raça, coragem e determinação à DIRETORIA E AOS JOGADORES POR ELA ESCOLHIDOS e dignamente remunerados.

Sobraram tentativas de justificativas e desculpas.  Em vão…

De nada adiantou na derradeira partida, o ASA fazer um GOL CONTRA e vencermos o jogo, pois ficamos a um ponto da série A. Em 2010, também fomos rebaixados por um ponto. Mero acaso?

Os resultados demonstram toda a incompetência e apatia da Diretoria, quando o assunto é a gestão de futebol profissional do clube neste período.

Não faltaram opiniões construtivas de torcedores e conselheiros, algumas até contundentes, mas pouco ou quase nada repercutiu na omissa e ineficaz atual gestão do futebol profissional do Glorioso Vitória.

Jogadores originários da nossa (ainda) destacada e campeã divisão de base e que contribuíram para ganhar o único título profissional em 2010/2011 para o Vitória  (a Copa do Nordeste) foram dispensados sem qualquer justificativa aos conselheiros e torcedores (Junior Timbó, Esdras, Lee, Kleiton Domingues, dentre outros).

Entretanto, não se pode dizer que faltou elenco ao Vitória, pois a diretoria trouxe Pablo, Lucas Nania, Xuxa e mais de vinte jogadores de baixíssima qualidade, que embora bem remunerados, nada ou muito pouco fizeram de bom para o clube e alguns deles contribuíram diretamente para o nosso insucesso, como Zé Luis que, inexplicavelmente, foi preservado pela Diretoria saindo do clube sem dar explicações a torcida.

Sinceramente, não dá para compreender a passividade da Diretoria e da Comissão Técnica em alguns momentos cruciais que poderiam ser determinantes para sacramentar o acesso este ano (ainda que sem muitos méritos).

Por exemplo, no gol mal anulado pela arbitragem no penúltimo jogo contra o São Caetano, nenhum representante da Diretoria ou da Comissão técnica foi capaz de questionar COM FIRMEZA E AUTORIDADE O ERRO GROSSEIRO do bandeirinha. Se alguém do banco de reservas ou da Diretoria fosse expulso, paciência, pois o Vitória estava com razão e só faltava um jogo para o acesso. O time iria com tudo para Alagoas!!!

Comportamento totalmente diferente foi visto no jogo Vasco e Fluminense, onde um jogador do banco de reservas do Vasco foi expulso após questionar o juiz por reclamação a suposta irregularidade no gol do Fluminense. Logo apos, o Vasco desempatou a partida e ainda manteve chances do título. A raça do banco e da comissão técnica vascaína contaminou positivamente o time. A apatia teria o efeito contrário…

TODO RUBRO-NEGRO SABE QUE A PAIXÃO FAZ PARTE DO FUTEBOL E A RECLAMAÇÃO FIRME E PROCEDENTE TAMBEM, mas a frieza inercial do comando do Vitória tem abatido o time nos dois últimos anos (e nos quatro minutos finais do jogo contra o São Caetano contaminou também boa parte da torcida, que incrédula com tamanha irresponsabilidade e apatia do elenco, preferiu o silencio sepucral, ante tamanha humilhação).

A torcida do Vitória está triste novamente. Não tanto por não ter conseguido o acesso este ano, mas pela FORMA com que atuamos durante este período. Time sem vontade, sem garra e sem técnica. Reflexo de um comando sem muito comando…

Todos que torcem para o Glorioso Vitória querem ver o time vencer, mas sabem que empatar ou perder faz parte do futebol. O fundamental é lutar com raça e determinação por cada ponto, em toda partida e em qualquer competição, sobretudo os disputados no Barradão, pelo respeito ao torcedor do Vitória. Sabemos que cada ponto perdido faz falta, e como faz…

É preciso urgentemente resgatar os melhores valores que sempre deram orgulho ao Vitória e voltar ter ídolos e a revelar talentos para o Brasil e para o mundo (há quanto tempo não fazemos isso ?).

É importante deixar que as pessoas de bem e decentes que ENTENDAM DE FUTEBOL e contratados pelo Vitória com tal finalidade (por exemplo, Newton Drummund), façam seu trabalho na busca de bons jogadores e sejam avaliados pelos resultados.

É necessário preservar os rubro-negros da atual Diretoria com anos de serviço prestados ao clube, que não tem condições de assumir determinadas funções, substituindo-os urgentemente, pelo bem do Vitória e deles próprios.

Mas, nem tudo está perdido, pois somos grandes, um dos clubes mais antigos do Brasil. Enquanto a torcida passava vexame com o “time profissional”, fomos campeões NOVAMENTE das categorias infantil e do Juvenil, em cima do maior rival.

Agora, os torcedores do Vitória NÃO ACEITAM MAIS a inapetência pela LUTA NA BUSCA DAS CONQUISTAS para o clube voltar ao lugar de destaque no cenário local, regional e nacional.  Precisamos de força e união.

Tem um trecho do tradicional hino do Vitoria que diz: “no campo da luta, tu és o melhor”, que a Diretoria (seja qual for) se inspire neste lema doravante e busque. Incessantemente novas conquistas, pois não há luta sem VITÓRIA, nem Vitória sem LUTA.

É preciso, pois, mudar a postura e renovar pessoas e ATITUDE no comando do clube, inclusive no Conselho, sempre de forma responsável e ponderada, mas urgente, pois não temos mais tempo há perder.

(*) Pedro Dórea (Bel. Em Direito e Conselheiro do Vitória)

Anúncios

ERROS E ACERTOS X AZAR E SORTE – PARTE 1

Olá amigos rubro-negros!

No sábado, 26/11/2011, tivemos um dia de sorte e azar, assim como um dia de erros e acertos, ou vice-versa. Também o foi o ano de 2011.

Diz um ditado popular que “quem não tem competência não se estabelece” ou “só se estabelece quem tem competência”, o que dá no mesmo.

E o que isso tem a ver com o nosso Glorioso Vitória nesses dois últimos anos? Tudo!!! Tem tudo a ver!!!

A história é longa, assim como os erros são muitos. Por isso e para não cansar os nossos leitores, dividiremos esses comentários em três partes, sem, contudo, obedecer a qualquer critério. É somente para aproveitar o título, procurar fazer um diagnóstico mais detalhado e apresentar nossas críticas e sugestões que poderão servir para reflexão e, assim, contribuir para um ano de 2012 mais planejado eficiente.

Agora podemos apontar os “bodes expiatórios”.

Já havíamos dito que “errar é humano, permanecer no erro é burrice”…

O ano de 2010 foi terrível. Caímos para a segunda divisão do futebol brasileiro, apesar de termos sido vice-campeões da Copa do Brasil, que teve como campeão o Santos de Neymar, Pato & Cia. Ltda.

E o que foi feito pela Diretoria do Vitória? Que aprendizado seus dirigentes tiveram? Que mudanças eles promoveram?

Nada!!!

Tudo permaneceu com dantes no Quartel de Abrantes!!!

O Diretor de futebol continuou e nada mudou…

Faltou um plano de ação para 2011, com contratações tempestivas e qualitativas. Quanto dinheiro desceu pelo ralo com inúmeras contratações mal feitas. Se houve planejamento, não foi posto em prática e ninguém viu, pois, além de sermos eliminados no início da Copa do Brasil, também perdemos o campeonato baiano dentro do Barradão.

Tudo isso foi azar ou um conjunto de erros?

Essa é uma das perguntas que não quer calar…

Continua no próximo capítulo…

Um balanço de 2011

Por Raphael Soares (Administrador e Auditor Fiscal da Sefaz/Ba)

Não deu. Poderia ter dado, porém, sejamos lúcidos, seria um acaso do destino a subida para a primeira divisão com este time de showbol.

A montagem do elenco foi um desastre, o elenco não tem atacantes com pernas, isso mesmo pernas, gás, juventude, rapidez, preparo físico, vitalidade, salvo o franzino Marquinhos, a equipe foi órfã de atacantes.

Ver Edu, Xuxa, Lúcio Flávio, Geraldo e outras tranqueiras atuando como atacantes é de doer. O futebol atual exige um nível de preparo físico altíssimo e “os caras” já não possuem esse nível, estão em fim de carreira, acomodados e LENTOS. Essa foi uma característica marcante deste elenco: a LENTIDÃO.

Sabemos que atacantes são raridades, preciosidades do mundo da bola. Uma boa receita tem que aliar a juventude no ataque, a inteligência no meio-campo e a experiência na defesa (experiência, não asilo!!!).

O futebol não tem lógica, afinal é um jogo. Vejam o Figueirense e o Curitiba na 1ª divisão, elencos modestos, se comparados aos 12 grandes, e campanhas dignas, brigando por Libertadores, mérito na montagem e manutenção de elencos e comissões técnicas.

Enquanto aqui no nordeste continuamos enchendo estádios e brigando, quando muito, para não cair de divisão, os caras do sudeste maravilha se profissionalizam e conseguem montar equipes competitivas, salvo algumas exceções que confirmam a regra, este ano os gigantes de MG.

Futebol é um jogo, porém um bom planejamento ajuda muito. Na toca do leão estão faltando bons cérebros esportivos. É tudo no improviso, empurrando com a barriga, administrativamente equilibrado e futebolisticamente desequilibrado, mambembe e amador.

Temos que voltar às origens e ter coragem para colocar a meninada da base para jogar, principalmente do meio para frente, temos que voltar a fabricar e utilizar nossos craques. Surge uma oportunidade agora, o Baianão 2012, a torcida deve ter paciência, não cobrar resultados imediatos, manter a meninada jogando e certamente teremos melhores dias.

GLORIOSO VITÓRIA: SEREMOS MELHORES EM 2012

Independentemente dos resultados dos jogos de amanhã, o Glorioso Vitória vai sobreviver e vai crescer como clube.

Se os resultados forem favoráveis ao Vítória, ótimo!!! Estaremos em 2012 na primeira divisão, apesar da Diretoria não ter realizado um planejamento adequado e errar em quase tudo na gestão do futebol, a ajuda divina, a força da camisa e a fé da torcida rubro-negra conspiraram a nosso favor e chegamos lá, mesmo sem méritos.

Entretanto, se a lógica acontecer, e continuarmos na segunda divisão, nada de desespero, pois poderia ser bem pior. Em matéria de planejamento na gestão do futebol, nossa Diretoria cometeu inúmeros equívocos, alguns imperdoáveis, que não cabe aqui enumera-los por serem de notório conhecimento do torcedor rubro-negro.

Em qualquer das hipóteses, necessitamos de mudanças urgentes e responsáveis na diretriz do clube.

Seja na serie B ou na serie A, é necessário uma nova percepção da grandeza do glorioso Vitória e de sua torcida, que não merecem ser tão humilhada, como vem sendo nos últimos tempos.

Tudo vai dar certo, seja qual for a Divisão que jogaremos em 2012, seremos muito melhores do que fomos este ano. Estaremos com o Vitória onde ele estiver, mas, para isso, precisamos mudar de comando e de postura diretiva, e já…

Pedro Dórea *(Conselheiro do ECV, Chefe de Gabinete Sec. Da Fazenda, Bel. Direito).

À ESPERA DE UM MILAGRE!

Olá amigos rubro-negros!

Conforme tenho falado, nos últimos anos, ser torcedor do Vitória é ter coração de leão, é sofrer até o último minuto, porém:

A esperança é a última que morre!

A fé remove montanhas!

Enquanto houver chance, enquanto respirarmos, não desistiremos…

Valei-nos Bom Jesus da Lapa!

Concedei-nos esse milagre!

Se o milagre acontecer, quem irá comigo à Bom Jesus da Lapa em julho do próximo ano, levando uma camisa do Vitória na série “A”?

É difícil. Está muito difícil. Será dificílimo, mas, enquanto houver vida, haverá esperança!

O amor pelo Vitória, o nosso coração rubro-negro terão que ser maiores que a incompetência, a falta de planejamento, o amadorismo dos nossos dirigentes.

Que tudo isso nos sirva de lição. Que possamos, no mínimo, aprender com todos esses erros.

Não é hora de apontar os “bodes expiatórios”. A hora é de fé. A hora é de esperança. A hora é de oração.

Estamos todos “À ESPERA DE UM MILAGRE”.

 

VAMOS EM FRENTE LEÃO!!!

GLORIOSO VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

FÉ E ESPERANÇA NUNCA MORREM: PROMESSA É DÍVIDA

Olá amigos Vitorianos!

Estive em Bom Jesus da Lapa esta semana (14 e 15/11/2011). Fui com meu pai (Alfredo Rocha – 94 anos) e minha irmã Jeânia, além de minha sobrinha Joana e seu namorado Ailton. Levei-os para pagarem uma promessa que Joana havia feito: promessa é dívida.

Andando pelo Santuário, cheguei ao local onde as pessoas que tiveram suas promessas atendidas levam suas oferendas, que fica na Gruta de Nossa Senhora da Soledade. Lá encontrei uma camisa do Glorioso Vitória. Fiquei feliz em ver aquele tão bonito uniforme ali. De pronto, indaguei-me sobre o que ela estaria representando? Que promessa/pedido havia sido feito e atendido? Não sei a resposta. Só sei que, naquele momento, meu coração e alma se encheram de emoção, fé e esperança. Foi aí que prometi ao Nosso Bom Jesus da Lapa que se o ESPORTE CLUBE VITÓRIA retornar à série “A”, no mês de julho do próximo ano também retornarei àquele Santuário para deixar uma camisa do glorioso Leão da Barra como símbolo da minha gratidão pela graça alcançada. Os Anjos, os Santos e os Deuses estão conspirando a nosso favor. Vamos continuar fazendo a nossa parte.

A esperança é a última que morre!

A fé remove montanhas!

A partir deste momento está lançada a campanha: “Vamos, com Rocha, à Bom Jesus da Lapa agradecer pelo retorno do Vitória à série “A” “.

Agora temos duas vagas para quatro times: Ponte Preta, Bragantino, Vitória e Sport.

Vamos torcer pelo tropeço da Ponte e do Braga!

Vamos fazer a nossa parte: vencer o São Caetano é a nossa meta da vez!

Que, depois, venha o ASA – cada dia com a sua agonia!


AVANTE VITÓRIA!!!

VAMOS SUBIR NEGÔ!!!

O ESPÍRITO RUBRO-NEGRO VOLTOU!

O ESPÍRITO RUBRO-NEGRO VOLTOU!
(Benazzi: erros e acertos)

Olá amigos Vitorianos!

Uma das coisas boas que aprendi nos meus mais de cinquenta anos é procurar ver sempre o lado positivo das coisas, sem, contudo, deixar de aprender com os erros. Para isto, é preciso que estejamos dispostos a identificá-los e reconhecê-los.

O maior acerto e, talvez, a melhor qualidade de Benazzi é o seu espírito “paizão”, fazendo retornar ao elenco do Vitória a disposição, determinação e a união, assim como a auto confiança e auto estima. Dentro desse contexto, Marquinhos reencontrou a alegria de jogar, fazendo valer toda a sua habilidade e qualidade técnica. A maior prova disso é termos ouvido de alguns torcedores do outro time: Marquinhos é o melhor jogador da série “B”. Tendo-o como exemplo, o grupo todo cresceu e o Vitória voltou a sonhar com seu retorno à série “A”, de onde nunca deveria ter saído.

Como já dissemos em “Uma Luz no fim do túnel”, a demonstração de união, dedicação, vibração e determinação dos jogadores depois da vitória contra o Boa Esporte, comemorando o resultado, abraçados e gritando “vamos subir Vitória, vamos subir Vitória” foi o divisor de águas.

No jogo contra o Americana, mesmo com a ausência de Marquinhos, poderíamos ter saído com os três pontos, pois a determinação, foco e garra continuavam presentes. E o que aconteceu, quais os erros? Como dissemos, é importante identificar e reconhecer os nossos erros para que não os cometamos novamente, pois errar é humano, permanecer no erro é burrice.

Por que motivo o Benazzi tinha que “inventar” de iniciar o jogo com Neto Baiano e Fábio Santos, dois atacantes com as mesmas características. Isto sobrecarregou o meio de campo, resultando na expulsão de Preto. Poderia ter começado o jogo com Felipe ou Xuxa, como havia prometido. Agora não adianta chorar pelo leite derramado. Mais uma vez o espírito de superação se fez presente e o empate acabou sendo até um bom resultado. Dos males, o menor!

Vale destacar a atuação do goleiro Douglas, fazendo defesas brilhantes. O time todo jogou pra “pirão”, dando o “algo mais” para suprir o jogador a menos. Parabéns a todos!

Que venham o Criciúma, o São Caetano e o Asa, o que nós queremos mesmo é subir.

O espírito rubro-negro voltou!!!

AVANTE VITÓRIA!

VAMOS SUBIR NEGÔ!

CADA DIA COM SUA AGONIA

OLÁ AMIGOS VITORIANOS!

HOJE É SÁBADO,
RESSACA DE SEXTA,
VÉSPERA DE TERÇA:
UM NOVO DIA, COM UMA NOVA AGONIA.

RELEMBRAR O SHOW É BOM,
SE PREPERAR PARA A NOVA BATALHA
É O TOM!

SOMOS LEÕES,
SOMOS INCANSÁVEIS,
SOMOS IMBATÍVEIS,
SEREMOS INFALÍVEIS.

VAMOS DESCANSAR,
VAMOS FESTEJAR,
VAMOS NOS PREPARAR:

AMANHÃ É UM NOVO DIA,
DEVEMOS SER SÓ ENERGIA,
COM TUDO QUE NOS CONTAGIA.
VAMOS SAIR (JÁ SAIMOS) DA LETARGIA,
POIS TEREMOS OUTROS DIAS.

FOI UMA SEXTA-FEIRA DE SUOR, CERVEJA E ALEGRIA.
A CHUVA FOI DE GOLS.

MUITA CALMA NESSA HORA!

QUE VENHA A TERÇA,
QUE VENHA O AMERICANA.

AVANTE VITÓRIA!!!

VAMOS SUBIR NEGÔ!!!

CHUVA, SUOR E CERVEJA

Olá amigos Vitorianos!

CHUVA, SUOR E CERVEJA

I
HOJE É SEXTA-FEIRA
DIA DE ALEGRIA
DIA DE HISTÓRIA
DIA DE VITÓRIA
DIA DE FOLIA

II
HOJE É SEXTA-FEIRA
DIA DE ESPERANÇA
DIA DE GARRA E LUTA
DIA DE FORÇA BRUTA
DIA DE MUDANÇA

III
HOJE É SEXTA-FEIRA
DIA DE SUPERAÇÃO
DIA DE CERVEJA
DIA DE “FESTEJA”
DIA DE EMOÇÃO

IV
HOJE É SEXTA-FEIRA
DIA DE SUOR
DIA DE G4
DIA DE CONTRATO
DIA DE FERVOR

V
HOJE É SEXTA-FEIRA
DIA DE (COM OU SEM) CHUVA
DIA DOS IMBATÍVEIS
DIA DOS INFALIVÉIS
DIA DO MANDA-CHUVA

VI
HOJE É SEXTA-FEIRA
DIA DO NEGÃO
DIA DO TORCEDOR
DIA DO DEVORADOR
DIA DO LEÃO

 

AVANTE VITÓRIA!!!

VAMOS SUBIR NEGÔ!!!

%d blogueiros gostam disto: