A bola não entra por acaso…

Olá amigos rubro-negros!

Com a vitória, por 3 X 2, sobre o ASA de Arapiraca, no jogo de ontem (17/07) à noite, o nosso GLORIOSO VITÓRIA se estabelece como a melhor equipe visitante deste Campeonato Brasileiro da série “B”, com um aproveitamento de sessenta e seis por cento (66% – ganhou 12 dos 18 pontos disputados fora de casa) e como mandante a sua performance é de oitenta e seis por cento (86% – ganhou 13 dos quinze pontos disputados no Barradão), correspondendo a quase setenta e seis por cento (75,76% – 25 de 33 pts) de aproveitamento total. Criciúma está com 78,79% e América MG com os mesmos 75,76% que o Leão da Barra. Por pouco não amanhecemos esta quarta-feira na liderança, pois o ABC cedeu o empate (2 X 2) para o Criciúma no final dos acréscimos. Encerrada essa 11ª rodada, continuamos no G4 na segunda colocação.

Falando do jogo, mais uma vez a nossa condição cardiovascular foi testada, pois, depois de estar ganhando fácil por 3 X 0, levamos o maior sufoco, quase deixando a limitada equipe do ASA empatar o jogo. Felizmente, conseguimos mais uma vitória e isso é o que importa. Agora é pensar na forte equipe do Atlético Paranaense, no jogo do próximo sábado (21/07), às 16:20 horas, no Estádio Fernando Charub Farah (Gigante do Itriberê), em Curitiba.

Na semana passada, recebi do colega Raphael Soares um texto extraído do Blog de Erich Beting (leiam o texto: http://negociosdoesporte.blogosfera.uol.com.br/2012/07/05/a-bola-nao-entra-por-acaso/) sobre as estratégias e atitudes adotadas pelos dirigentes do Barcelona (2003) e Corinthians (2007) e as mudanças realizadas para chegarem a ser o que são. Aí lhes pergunto: será que foi fruto do acaso? Será quer foi um fato isolado, um golpe de sorte? Não meus amigos rubro-negros, a bola não entra por acaso. Fico muito feliz em saber que algumas coisas feitas pelo Barcelona (o que ele fez para deixar de ser um clube que sempre “batia na trave” para se tornar “Mais que um clube”) e pelo Corinthians (Como primeira medida, essa diretoria mudou o estatuto corintiano, limitando a permanência do presidente no cargo) estão sendo feitas pelos dirigentes do E C VITTÓRIA (equacionar as dívidas para conseguir fazer com que o clube passasse a ter fluxo de caixa), porém, muito há ainda por fazer, principalmente a reforma do ESTATUTO E REGIMENTOS.

Pode parecer coincidência, o que não é, mas a sorte (sempre) acompanha os competentes. Sejamos, pois. Que este seja o ano do nosso GLORIOSO VITÓRIA. Que este seja o início de um grande e brilhante futuro. Que sejamos ousados, porém responsáveis. Que possamos quebrar paradigmas e nos manter entre os grandes clubes do futebol brasileiro.

Vamos continuar repetindo o nosso mantra: SEREMOS CAMPEÕES ESTE ANO, CUSTE O QUE CUSTAR.

VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

Anúncios

Sobre rocharubronegro

Apenas um rubro negro apaixonado.

Publicado em julho 18, 2012, em Rocha. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: