Síndrome, complexo ou falta de estratégia?

Olá amigos rubro-negros!

Não sei se felizmente ou infelizmente, mas não assisti a goleada sofrida pelo VITÓRIA para o Cruzeiro, por 5 X 1, na Arena Mineirão, na noite do último sábado (17/08). Tive um compromisso nesse dia e horário. Não tecerei comentários sobre o jogo em si, ou sobre esse ou aquele jogador. Falarei sobre o coletivo, sobre o problema na sua amplitude. E aí vai a pergunta que não quer calar: será ou serão síndrome de jogar fora, complexo de inferioridade ou falta de estratégia?

O aproveitamento do time do VITÓRIA nos jogos fora de casa tem sido sofrível. Jogamos sete partidas (vinte e um pontos disputados), ganhamos uma, empatamos outra (quatro pontos) e perdemos cinco jogos (quinze pontos), ou seja, estamos com um desempenho inferior a vinte por cento (19,1%). Por outro lado, estamos com um aproveitamento de setenta e cinco por cento (75,0%) nos jogos em que fomos mandantes, principalmente quando o foram no Barradão, nossa CASA, nosso SANTUÁRIO. No total, o desempenho já está ficando abaixo da média, ou seja, menor que quarenta e nove por cento (48,9%), ganhamos vinte e dois (22) pontos, de quarenta e cinco (45) disputados. Menos da metade.

E aí meus amigos rubro-negros, o que devemos fazer para melhorarmos a nossa performance nesse campeonato brasileiro? Ganhar pontos fora de casa. E o que precisa ser feito para que isso aconteça? Ter postura, ter estratégia, trabalhar positivamente no consciente coletivo, aumentar a autoestima, ter (ou manter) um bom padrão de jogo, motivar os jogadores, passar confiança, trabalhar o psicológico, assim como melhorar o preparo físico. É fácil? Difícil é que não é, principalmente para quem ganha trezentos mil Reais (R$ 300.000,00) por mês (Comissão Técnica). Precisamos de reforços? Já estamos cansados de dizer que sim.

Não se constrói nada de uma hora para outra. Já estamos em agosto e nada de se contratar um bom zagueiro, laterais, um cabeça de área pitbull, um bom meia armador. Se já os temos, precisam nos dizer quem são ou nos mostrar pra que veio ou vieram, pois VONTADE, GARRA, RAÇA, DETERMINAÇÃO E SANGUE NO OLHO vemos somente de uns poucos.

Mas não adianta chorar pelo leite derramado. Quarta-feira (21/08) já temos uma pedreira pela frente, o Coritiba, pela Sul Americana, no Barradão, às 21h:50. No sábado (24/08), será a vez do Santos, na Vila Belmiro, às 18h:30. VAMOS APROVEITAR PARA COMEÇAR A MELHORAR O DESEMPENHO FORA DE CASA. A HORA É ESSA!!!

VAMOS TODOS AO BARRADÃO NESTA QUARTA-FEIRA!!!

VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

Anúncios

Sobre rocharubronegro

Apenas um rubro negro apaixonado.

Publicado em agosto 19, 2013, em Rocha. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: