Humildade e trabalho são a base do sucesso.

Olá amigos rubro-negros!

Mais uma vez o senhor Renato Cajá saiu de campo debochando da torcida do VITÓRIA, quando foi substituído, sob vaias, no jogo de sábado à noite, no empate sem gols com o Grêmio Porto Alegrense. Ele precisa saber que a torcida é soberana. Ela pode tudo. E ele? Ele é funcionário do ESPORTE CLUBE VITÓRIA, que lhe paga bem e em dia. E o que ele tem que fazer? Jogar bola e bem também, o que não tem feito há muitos jogos. Ele precisa saber que humildade e trabalho são a base do sucesso. Tem que tomar vergonha na cara e procurar jogar o futebol que um dia jogou e por causa dele foi contratado. Mais uma vez precisa de um corretivo.

O Campeonato Brasileiro é longo e disputadíssimo. Cada jogo é uma história diferente e que precisa ser jogado de forma determinante, com muita raça como se fosse uma decisão, pois assim o é. A cada partida, a cada jogo definimos ou redefinimos o nosso futuro dentro da competição. Cada detalhe, cada jogada, cada jogador, cada minuto, cada lance fará (ou farão) a diferença. Todo o time precisa estar imbuído do mesmo propósito; cada Jogador precisa dar o seu sangue até a última gota; A Comissão Técnica precisa estar atenda a cada detalhe, principalmente quanto ao comportamento desse ou daquele jogador que destoa do espírito coletivo; assim como os dirigentes deverão dar o devido respaldo a todos para alcançar o melhor para o CLUBE E SUA TORCIDA. Nada poderá estar acima do bem coletivo.

Foi um jogo duro. Poderíamos ter saído com uma vitória, mas o empate foi o mais justo para as duas equipes. Como rubro-negro fervoroso, queria e quero que o NOSSO LEÃO DA BARRA VENÇA SEMPRE.

Tenho gostado das atitudes de Ney Franco. Tenho gostado do que ele vem fazendo com cada jogador, dando a oportunidade e a motivação necessárias para que demonstre se merece fazer parte do elenco do VITÓRIA. QUE CADA UM SAIBA APROVEITAR ESSA OPORTUNIDADE.

Teremos uma semana para ajustar o time. Esperamos que algumas peças que estão no departamento médico retornem, principalmente Maxi e Cárceres, pois assim Ney Franco terá mais opções para montar um time mais competitivo para o difícil jogo contra o Atlético Paranaense no próximo domingo (29/09 – 18:30 horas), no Durival de Britto.

VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

Anúncios

Sobre rocharubronegro

Apenas um rubro negro apaixonado.

Publicado em setembro 23, 2013, em Rocha. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Torcida, é nessa hora que sentimos falta de um verdadeiro líder. O dirigente que entenda de comando de grupo, assim como um boleiro compreende os meandros do futebol. Renato cajá sabe jogar bola e todos sabemos disto. O que falta é a interveniência visionária de um dirigente do clube que procure saber dele o que está acontecendo e fale por ele junto à torcida, para proteger sua imagem. De outra forma teremos mais grande jogador rubro-negro queimado, enquanto o clube permanece precisando do seu futebol. Acorda Portela! Clube de futebol não é construtora, nem loja de vender produtos matérias. Um clube cuida é gente!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: