O conjunto da obra.

O conjunto da obra.

Complementando o texto “Com um a mais ou a menos?”, gostaria de ressaltar a importância para a visão do conjunto da obra, já mencionado.

O problema do ECVitória não é de técnico (somente) ou de um ou outro jogador, é do todo.

É preciso que se defina uma filosofia de gestão, de planejamento e, principalmente, de execução.

O técnico precisa estar inserido nessa filosofia, assim como os jogadores e, especialmente, os dirigentes.

Pode chegar o técnico “A” ou “B” que se ele não tiver diretrizes a seguir, coração e alma a vibrar e objetivos a alcançar, não vai chegar a lugar nenhum.

Dirigentes, Jogadores e Comissão técnica têm que estar na mesma vibração, envolvidos de corpo e alma na conquista das metas PLANEJADAS (detalhadas).

Voltando para o caso específico do FUTURO NOVO TÉCNICO, pode ser Mancini, Kleina, Jorginho ou qualquer outro, se ele não souber e for cobrado das METAS e tiver todo o apoio dos dirigentes, não vai conseguir chegar a lugar nenhum.

Então meus amigos, volto a dizer, o problema do nosso ECVitória não é desse ou daquele técnico ou jogador, é do conjunto da obra. Jogadores mal contratados, técnico não envolvido no todo e dirigentes de uma cabeça/pensamento só (monocrático), com este conjunto fica difícil. O Vitória precisa ampliar a sua visão. Não podemos continuar com a predominância da visão financeira.

Eu tinha que deixar isto registrado para depois não dizerem que eu não falei das flores. Assim falou Rochadamus.

VITÓRIA, VOCÊ É A SOMA DE TODOS NÓS!!!

Sobre rocharubronegro

Apenas um rubro negro apaixonado.

Publicado em março 10, 2015, em Rocha. Adicione o link aos favoritos. 4 Comentários.

  1. Companheiro Rocha,

    É unanimidade a incapacidade de Falcão e seus parceiros em gerir o Vitória. Mas eu me pergunto a quem interessa um presidente tão ridículo como este?? O vitória atualmente é um feudo com possibilidade quase 0 de ascensão de outros grupos políticos. Nem pra fazer oposição há espaço, não há contraditório para esta gestão fracassada e de pessoas derrotadas. Ao menor indício de surgimento de uma oposição ecoam os gritos de “não queremos aventureiros” , “o Vitória é maior que qualquer um” e outros pensamentos que no frigir dos ovos só servem pra manter o status quo dos parasitas que hoje ocupam o decadente Esporte Clube Vitória. Decadente agora e apontando para uma contínua decadência a curto e médio prazo.

    A impressão para nós torcedores comuns e que não vivemos o dia-a-dia do clube é que os conselheiros não só legitimam este ridículo presidente, como não criticam sua gestão internamente, e pior ainda, parece existir um sentimento de conformismo(ou seria oportunismo?) que é melhor conviver com um incompetente, derrotado, e ser seu amigo do que agir como o estatuto manda e ser de fato um conselho isento e profissional. A burguesia tem medo do diferente, do popular, quer estar sempre rodeada pelos seus iguais, assim se sente forte e segura.

    Quando o vitória vai deixar de ser um time apenas para algumas famílias “tradicionais” e será um clube para a torcida e sociedade baiana???

    • Caro, Gabriel!
      Em resposta à sua pergunta no último parágrafo, afirmo com absoluta certeza, JAMAIS o ECV deixará de ser essa coisa que sempre foi: “O pau que nasce torto, não tem jeito morre torto……….”

  2. Ao ler o seu texto me senti bem representada, porque o que você escreve é na verdade tudo que nós torcedores do Vitória estamos sentindo e gostaríamos de dizer, Muito objetivas e práticas as sugestões para o Vitoria virar o jogo!! . Continue registrando, uma hora eles vão ter que refleti e aceitar. Parabéns excelente!

  3. Mas em janeiro do ano passado, você Rocha e mais alguns conselheiros fizeram um jantar com o presidente, que originou até uma coluna aqui, elogiando esse incompetente e dizendo que acreditava no futuro do vitória. Disse ainda que falcão eram gente boa, ouvia a todos e faria o vitória crescer.
    Basta ir lá nas suas colunas de janeiro de 2014 e conferir quem tiver alguma dúvida. O título é “jantar com o presidente”, salvo engano.
    Então, eu te pergunto: qual o legado, que seja mínimo mesmo, desse incompetente que dirige o nosso vitória, aliás o vitória dele?
    Nada como um dia atrás do outro.

Deixe uma resposta para Dantas de BH Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: